Wednesday, October 19, 2011

Tesouro escondido em Vilarinho da Furna?





 No Domingo passsado pude caminhar pela parte da aldeia de Vilarinho da Furna a descoberto. Uma experiência estranha e repleta de emoções contraditórias até que uma pedra chamou a minha atenção num muro. Primeiro foi pela forma perfeitamente talhada, depois pelo que me pareciam ser vestígios de antigas inscrições. Não ficaria surpreendido se viessem a descobrir que aquela pedra é parte de um marco miliário, possivelmente retirado das milhas mais próximas da antiga aldeia ( as milhas XXIX ou XXX). Uma "descoberta" que acrescentou emoções à emoção de passear pelas antigas ruas de Vilarinho.

Aparentemente a comprovar as minhas suposiçoes encontrei em «Thesouro de Braga descuberto no Campo do Gerez» - um levantamento da Geira realizado em 1721 pelo Padre José Matos Ferreira e que, apesar parciaçmente trancrito em outras obras, só em 1982 seria publicado pela CMTB - um relato interessante .

 Escreveu Matos Ferreira sobre a milha XXIX: «...dizem os moradores da freguesia do Campo que hum do lugar de Vilarinho o fizera em pedaços e que delle fizera pesos de lagar e outras obras semelhantes, e que deste mesmo sitio e de outro fica adiante, levara dous padrões que tinha hua choupana, servindo-lhe de esteios...».









2 comments:

Orion said...

Belo achado. Estivemos há duas semanas em Vilarinho e tiramos imensas fotos, mas não encontrei a casa com o marco miliário.

Abraços.

Joana Braga Simões said...

Olá papá! Foi neste dia, 16 de Outubro, que a mamã me sentiu pela 1ª vez! Eu lembro-me! Estávamos no lançamento do livro "Rio Homem" no museu de Vilarinho. Eu estava na barriga dela há 17 semanas e 3 dias! A mamã disse-me que eu parecia borboletas na barriga dela! Como os papás gostam tanto do gerês decidi fazer-me sentir lá pela 1ª vez!
Maria